Caqui

Publicado em Alimentação, Frutos, por Rodrigo Fragoso.

Origem do Caqui: Ásia | Sazonalidade do Caqui: Março a Julho.

Caqui
Caqui

Também conhecido como dióspiro, o caqui é o fruto de uma planta denominada por caquizeiro. Trata-se de uma árvore da família Ebenaceae com o nome científico de Diospyros Kaki L. f.. A história desse fruto é bastante interessante e remonta tempos muito antigos, sendo originária da China e muito popular no Japão.

O fruto do Caqui é bastante popular e se apresenta em uma variedade de espécies e variedades, sendo que as primeiras variedades a serem trazidas para o Brasil datam de 1916 e foram trazidas por alguns imigrantes japoneses.

O fruto de Caqui é cultivado em muitos locais do mundo e tem características que variam bastante de uma variedade do fruto para a outra.

Composição do Caquizeiro

O pé de caqui costuma ser uma árvore não muito alta e com muitas ramificações de galhos finos, mas com boa resistência para segurar os frutos que pesam aproximadamente 100g cada. A planta é bastante folhosa, com folhas bem escuras e de textura lisa e brilhante.

O fruto de caqui apresenta uma boa adaptação e pode ser cultivado em diferentes tipos de solos, sendo mais propício para locais com temperaturas mais baixas e frias, como os climas subtropical ou temperado. No Brasil, os frutos são bastante cultivados na região sul e sudeste e podem ser encontradas algumas variedades bastante interessantes do caqui.

Espécies e estrutura do Caqui

Existem diferentes espécies de caqui ao redor do mundo, mas as mais comuns para nós são o caqui doce, que apresenta casca vermelha quando maduro e polpa bastante macia e doce, sendo um fruto muito sensível.

Por ouro lado, a versão mais adaptada ao Brasil é a do caqui-chocolate, que possui um sabor adstringente e cor alaranjada, com presença de riscas marrom em seu interior, além de uma textura bastante firme e que lembra a de uma maçã, sendo menos saboroso que o doce.

caqui-beneficios

Benefícios do Fruto de Caqui para Saúde!nutrientes-caqui

  • O fruto é moderadamente ricos em calorias (fornece 70 calorias / 100g), mas muito pobre em gorduras. Sua textura suave carne é uma boa fonte de fibra dietética. 100 g de frutas frescas detém 3,6 g ou 9,5% da ingestão diária recomendada de fibras.
  • Caqui conter saúde beneficiando flavonóides poli-fenólico anti-oxidantes, tais como as catequinas e as gallocatechins, além de ter um composto anti-tumoral importante, o ácido betulínico. As catequinas são conhecidos por ter anti-infeccioso, anti-infamatório e anti-hemorrágico (previne o sangramento de pequenos vasos sanguíneos) propriedades.
  • Caquis frescos compor outros compostos anti-oxidantes como a vitamina A, o beta-caroteno, licopeno, luteína, zea-xantina e criptoxantina. Juntas, essas funções compostos como catadores de proteção contra os radicais livres derivados de oxigênio e espécies reativas de oxigênio (ROS) que o jogo um papel no envelhecimento e vários processos de doença.
  • Zea-xantina, um importante carotenóides na dieta, seletivamente absorvido pela macula lutea da retina nos olhos, onde é pensado para proporcionar antioxidante e funções de filtragem de luz de proteção; Assim, ajuda a prevenir a “macular relacionada com a doença macular relacionada à idade” (DMRI) em idosos.
  • Caquis também são uma boa fonte de vitamina-C, outro poderoso antioxidante (caquis chineses e americanos, especialmente nativas; fornecer 80% do DRI). O consumo regular de alimentos ricos em vitamina C ajuda o corpo a desenvolver resistência contra agentes infecciosos e varrer os radicais livres, pró-inflamatórias prejudiciais.
  • O fruto é bom em muitos valiosas vitaminas do complexo B, como o ácido fólico, piridoxina (vitamina B-6), tiamina … etc. Estas vitaminas atuam como co-fatores para várias funções enzimáticas metabólicas no organismo.
  • Frutos de caqui são benéficos ​​também por conter quantidades de minerais como potássio, manganês (15% de DRI), cobre (12% de DRI), e fósforo. O manganês é um co-fator para a enzima, superóxido dismutase, que é um potente captador de radicais livres. O cobre é um co-fator para muitas enzimas vitais, incluindo citocromo c oxidase e superóxido dismutase (função de outros minerais, como co-factores para esta enzima são o manganês e zinco). O cobre também é necessário para a produção de células vermelhas do sangue.

Veja no vídeo mais sobre os Benefícios da Fruta Caqui para Saúde!